João Paulo Medeiros

Morre neurocirurgião Rafael Holanda, vítima de complicações da covid-19

Médico era natural de Cajazeiras, mas havia sido ‘adotado’ há anos por Campina Grande

Foto: reprodução

Após travar uma luta intensa contra a covid-19 e suas complicações, o neurocirurgião Rafael Holanda, acabou morrendo na madrugada de hoje. Ele estava internado em uma UTI no Hospital Antônio Targino, em Campina Grande.
Filho da cidade de Cajazeiras, mas ‘adotado’ há anos por Campina Grande, o médico era uma das referências da medicina paraibana.
A informação da morte foi confirmada, nas redes sociais, por familiares e amigos.

“Partiu para o plano espiritual hoje de madrugada, nosso querido amigo Dr. Rafael Holanda. Deixa um honroso legado nesse plano terrestre, de exemplo profissional e de ser humano especial”, disse o padre Márcio Henrique, pároco da Paróquia do Rosário.

“Colecionava milagres do nosso Deus nas suas neurocirurgias”, assinalou o médico e amigo de Rafael, Cleilton Cirino.

Veja também  TJPB recebe denúncia e prefeito vira réu por suspeita de propina de R$ 3 mil