João Paulo Medeiros

Polícia Federal faz operação para combater fraudes na pandemia em cidade da Paraíba

Alvos são compras feitas pela prefeitura de Princesa Isabel

Foto: Ascom

Agentes da Polícia Federal cumprem hoje cinco mandados de busca e apreensão numa ação denominada ‘Operação Princesa do Sertão’, que tem o objetivo de investigar possíveis irregularidades na compra de materiais para o enfrentamento à pandemia.

O alvo são compras feitas pela prefeitura da cidade de Princesa Isabel, no Sertão do Estado.

O município adquiriu 5 mil testes rápidos e 40 mil máscaras descartáveis, segundo a PF. Há suspeitas de sobrepreço nas compras dos produtos.

Veja também  Com superlotação, prefeito retoma discussão sobre mudanças no Parque do Povo

A ação da PF ocorre em conjunto com a Controladoria geral da União (CGU). Os mandados de busca foram expedidos pelo TRF5.

Desdobramentos

A operação de hoje é um desdobramento de investigações feitas pelo Ministério Público Federal (MPF). O órgão já havia ingressado na Justiça com uma ação de improbidade, resultando no bloqueio de bens de alguns dos investigados – entre eles o prefeito da cidade, Ricardo Pereira.