450 mil mortes por Covid-19: Como isso impacta na nossa saúde mental?

5 recomendações fundamentais para você preservar a sua saúde mental em tempos de pandemia!

Pandemia, 450 mil mortes por Covid-19 no Brasil, atraso nas vacinas, crise política, desemprego… Tudo isso vem gerando um sofrimento psicológico em milhares de pessoas.

Realmente ainda estamos vivendo um momento muito difícil e desafiador: o medo de se contaminar com o vírus, de precisar de internação e intubação, de morrer ou de perder um ente querido… Isso tudo está mexendo demais com a nossa saúde emocional e mental.

E todo esse sofrimento vem gerando um aumento na intensidade de sintomas ansiosos e depressivos, como: sensação de vazio ou tristeza, baixa de energia e cansaço constante, irritabilidade, pessimismo, sentimento de perda constante, baixa autoestima, compulsão alimentar ou perda de apetite, entre outros.

Para lhe ajudar nesse momento, aqui vão 5 recomendações fundamentais para você preservar a sua saúde mental:

 

1 – Se abstenha de notícias que lhe causam gatilhos: É importante estar bem informado, mas se as notícias estão lhe provocando sensações desagradáveis e intensificando sua ansiedade, é importante se preservar um pouco disso. Ah! E consuma sempre conteúdos com fontes confiáveis, para não cair nas famosas “fake news”.

 

2 – Tire um tempo para você, buscando fazer coisas que lhe dê prazer: Priorize fazer mais das coisas que você gosta e que te deixam feliz. Muitas vezes são coisas bem simples e fáceis de concretizar, como praticar um esporte, assistir a um filme ou série, começar a ler um livro ou até mesmo aprender uma coisa nova.

 

3 – Estreite a relação com a sua rede de apoio: Uma simples conversa com amigos ou com um familiar, seja por mensagem, ligação ou videochamada, pode ajudar a aliviar sensações e sentimentos ruins. Não esqueça que você nunca estará sozinho(a) e que você tem pessoas nas quais você pode contar.

 

4 – Não veja o álcool como a sua válvula de escape: Muitas pessoas usam o álcool e outras drogas como uma forma de fugir do sofrimento mental e da sobrecarga emocional, e é aí que mora o perigo! Esse consumo excessivo pode gerar crises de ansiedade, depressão ou dependência química.

 

5 – Busque ajuda profissional: Caso você perceba que precisa de um acompanhamento psiquiátrico ou psicológico, não hesite em procurar ajuda. Muito profissionais continuam fazendo atendimento online. Esse momento é desafiador para todos nós e uma ajuda profissional pode ser a solução para os seus problemas.

 

E lembre-se: Essa pandemia tem maltratado muito o nosso psicológico, mas tem trazido também muito aprendizado. Apesar de tudo, é preciso ter positividade para nos ajudar e ajudar o próximo, pois a negatividade é um grande empurrão para o abismo do sofrimento.