Secretaria de Saúde da Paraíba registra morte suspeita por dengue e investiga o caso

Se confirmada, vai ser a segunda morte pela doença ocorrida na Paraíba em 2024.

Aedes aegypti. foto: internet

A Secretaria de Estado da Saúde da Paraíba (SES-PB) confirmou nesta quinta-feira (22) que existe um caso de óbito por dengue sendo investigada. A morte foi registrada na segunda-feira (19), no município de Conde, e se for confirmada se tornará o segundo caso de óbito pela doença em 2024. A pessoa tinha 42 anos.

Por ora, a Paraíba tem então uma morte confirmada por dengue (registrada em Camalaú) e agora uma morte suspeita (em Conde). O estado tem também uma morte suspeita por chikungunya (em Sapé), que segue em investigação.

No caso de Camalaú, a vítima era uma mulher de 24 anos que apresentava febre, cefaleia, vômito, náuseas, artrite, artralgia, dor abdominal, taquicardia, derrame pleural e icterícia.

O ano de 2024 na Paraíba já registrou 1.111 casos prováveis de arboviroses, sendo 987 casos de dengue, 112 de chikungunya e 12 de zika.

De acordo com dados entomológicos, 30 municípios apresentaram índices que demonstram situação de risco para ocorrência de surto, 136 municípios em situação de alerta e 57 municípios em situação satisfatória.