Tarcísio Meira morre aos 85 anos por complicações da Covid-19

Ela estava internado desde o dia 6 de agosto em São Paulo.

O ator Tarcísio Meira morreu em São Paulo, aos 85 anos, na manhã desta quinta-feira (12), por complicações da Covid-19. Ele estava internado no hospital Albert Einstein.

Tarcísio e a esposa, a atriz Glória Menezes, de 86 anos, deram entrada no hospital na última sexta-feira (6) no hospital. O ator chegou a ser intubado na UTI e fazer hemodiálise contínua.

>> Tarcísio Meira foi um dos maiores atores brasileiros, em todos os tempos 

>> Paulo José era um dos gigantes da dramaturgia brasileira 

Ambos receberam a 2ª dose da vacina contra Covid em março deste ano, na cidade de Porto Feliz, no interior de São Paulo.

É importante ressaltar que nenhuma vacina oferece proteção de 100% contra doenças, mas todas reduzem o risco de infecção, hospitalização e morte, principalmente depois da segunda dose.

Veja também  DJ Ivis é vaiado em palco de Tarcísio do Acordeon; caso levanta debate sobre violência contra a mulher

Um dos principais nomes da história da TV, Tarcísio Meira nasceu em São Paulo no dia 5 de outubro de 1935. Ele tem um currículo de mais de 60 trabalhos na televisão, entre novelas, seriados, minisséries, teleteatros e telefilmes, numa carreira que começou em 1961, na extinta TV Tupi.

Também participou de 22 longas-metragens, dirigidos por cineastas como Glauber Rocha, Walter Hugo Khouri, Anselmo Duarte e Bruno Barreto, além de 31 peças de teatro.

Os últimos trabalhos de Tarcísio na TV foram as novelas “A Lei do Amor”, de 2016, em que viveu o empresário e político Fausto, e “Orgulho e Paixão”, de 2018, na pele do Lorde Williamson.

Tarcísio era casado com Glória Menezes há quase 60 anos. Os dois são pais do também ator Tarcísio Filho