Treze x Sousa: Dino faz partida segura, elimina o Galo e vai à final do Paraibano 2024

O empate em 0 a 0 no Amigão, aliado à vitória por 2 a 1 no jogo de ida, garantiu ao Dinossauro a sua terceira final em quatro anos.

(Foto: Wellington Faustino / FPF-PB)

O Sousa está (mais uma vez) na final do Campeonato Paraibano. Na noite desta quarta-feira, no Estádio Amigão, em Campina Grande, o Dinossauro fez uma partida perfeita no aspecto defensivo e garantiu o empate que o classificou para a sua terceira final de estadual nas últimas quatro temporadas. O adversário alviverde na decisão será o Botafogo-PB, já no próximo sábado, no Marizão.

+ Campeonato Paraibano 2024: clubes participantes, regulamento, tabela e onde assistir

PRIMEIRO TEMPO

O primeiro tempo do jogo entre Treze e Sousa no Amigão foi marcado pelo excesso de faltas e erros de passe. O Dinossauro recuou as suas linhas defensivas e deu a bola ao Galo, que pressionou, mas não conseguiu de forma efetiva levar perigo ao time sertanejo. Precisando do resultado, a equipe de Campina Grande pecou no setor de armação e dificultou a vida dos seus próprios atacantes. Ao fim da etapa inicial, o placar zerado pareceu ser o único resultado possível a ser enxergado na Rainha da Borborema.

SEGUNDO TEMPO

Precisando do resultado o Treze fez algumas alterações e se lançou ao ataque buscando abrir o placar. Xandy, que entrou no lugar de Gui Campana, acertou o travessão de Bruno Fuso em três oportunidades no decorrer da etapa final. Will Viana, Edmundo, Rafael Castro e Pilar também tiveram suas respectivas chances de abrir a contagem, mas não o fizeram.

.
O Sousa elimina o Treze e está na final do Paraibano (Foto: Wellington Faustino / FPF-PB)

Além de se defender com extrema eficácia, o Dinossauro também tentava matar o jogo nos contra-ataques. Em duas oportunidades, uma com Herbert Cristian e outra com Ewerton Potiguar, o Dinossauro obrigou Igor Rayan a fazer boas defesas para segurar o resultado. Ao fim do jogo o placar inalterado classificou o Dinossauro para mais uma final de Paraibano, mantendo vivo o sonho do tricampeonato.

PRÓXIMOS COMPROMISSOS

Eliminado do Paraibano, da Copa do Brasil e da Copa do Nordeste, o Treze agora entra em um pequeno hiato até o início da Série D do Brasileirão, competição da qual estreia no próximo dia 29 de abril, contra o Santa Cruz-RN, fora de casa.

O Sousa, por sua vez, agora volta as suas atenções para a final do Campeonato Paraibano, já que no próximo sábado, no Marizão, medirá forças com o Botafogo-PB no primeiro jogo da decisão. No sábado imediatamente seguinte, vai até João Pessoa, onde no Almeidão tentará levantar a sua terceira taça do estadual.

TREZE

  • 72 – Igor Rayan
  • 2 – Van
  • 3 – Luís Fernando
  • 4 – Rafael Castro (15 – Juninho)
  • 6 – Higor (14 – Leonan)
  • 5 – Juninho (18 – Matheus Chaves)
  • 8 – Edmundo (19 – Di Maria)
  • 10 – Gui Campana (20 – Xandy)
  • 7 – Will Viana
  • 11 – Thiaguinho
  • 9 – Pilar 🟨
  • Técnico: William De Mattia

SOUSA

  • 1 – Bruno Fuso 🟨
  • 2 – Iranílson 🟨
  • 13 – Breno Cesar 🟨
  • 4 – Marcelo Duarte
  • 22 – Jackson 🟨 (14 – João Rafael)
  • 5 – Hebert Cristian (19 – Ewerton Potiguar)
  • 8 – Alexandre Aruá
  • 15 – Felipe Jacaré 🟨
  • 20 – Reinaldo (3 – Adriano Seixas)
  • 6 – Leozinho (7 – Hiago Ramiro🟨)
  • 9 – Diego Ceará (10 – Michel Potiguar)
  • Téc – Paulo Schardong

Dia, horário e local de Treze x Sousa

  • Dia: 03/04
  • Horário: 20h15
  • Local: Estádio Amigão, Campina Grande

Transmissão de Treze x Sousa

  • Onde assistir: a partida foi transmitida pelo ge, com narração de Kako Marques, comentários de Phillipy Costa e reportagens de Max Oliveira e Izabel Rodrigues.
  • Onde ouvir: a Rádio CBN Paraíba transmitiu as emoções de Treze x Sousa, com narração de Edson Maia, comentários de Léo Alves e reportagens de Marcos Siqueira Afonso Carlos.
  • Onde acompanhar: o Tempo Real do ge Paraíba acompanhou a partida no Amigão.

Arbitragem

  • Árbitro principal:Bruno Arleu de Araújo (Fifa-RJ)
  • Assistente 1:Fernanda Nandrea Gomes Antunes (Fifa-MG)
  • Assistente 2:Lilian da Silva Fernandes Bruno (Master-RJ)
  • Quarto árbitro: Felipe da Silva Gonçalves Paludo (CBF-RJ)

Leia mais notícias do esporte paraibano no Jornal da Paraíba