Exposição ‘Claustrum’ de Flávio Tavares é aberta nesta terça-feira (9), em João Pessoa

‘Claustrum’ estará exposta na Archidy Picado, no Espaço Cultural até janeiro de 2022.

O Claustrum, de Flávio Tavares

A exposição de ‘Claustrum’, do artista plástico paraibano Flávio Tavares, começa nesta terça-feira (9), na Galeria Archidy Picado, no Espaço Cultural, em João Pessoa. Para visitação, o público deve fazer um agendamento e apresentar cartão de vacinação contra a Covid-19 para entrar no local.

>> Flávio Tavares propõe imersão na América Latina a partir da obra de Gabriel García Márquez

A exposição faz parte do projeto ‘Panapaná – Novembro das Artes Visuais’, promovido pela Fundação Espaço Cultural (Funesc). ‘Claustrum’, significa ‘clausura’ em latim, e surgiu a partir do isolamento de Flávio, durante a pandemia da Covid-19.
O público deve agendar a visitação à galeria para apreciar a exposição através do site de agendamentos do Governo da Paraíba. Para ter acesso a galeria, é obrigatório ainda apresentar o cartão de vacinação contra a Covid-19, com pelo menos 14 dias após a primeira dose e utilizar máscara.
‘Claustrum’ é composta por cinco telas expostas que trazem temas como ‘família’, ‘infância’, ‘juventude’ e ‘inferno’, que juntas, formam um quadrilátero, simulando um ambiente de enclausuramento. Ao Jornal da Paraíba, Flávio contou que a obra retrata muito fortemente o momento difícil que vive a humanidade na atualidade, que, ainda fala de fantasia e juízo final, algo “muito importante para a época em que a gente vive”.
As obras ficarão expostas ao público a partir desta terça-feira (9) até 15 de janeiro de 2022, das 8h às 12h e das 13h às 17h, de segunda a sexta.
Veja também  Modelo ‘casado’ com oito mulheres tem casa pichada com ofensas em João Pessoa