João Paulo Medeiros

Contratos turbinados: TCE identifica 309 contratados por prefeituras recebendo mais que prefeitos

Na Paraíba são 91 mil contratados por excepcional interesse público

Foto: Ascom

Um relatório do Tribunal de Contas do Estado (TCE) revela um verdadeiro ‘exército’ de servidores contratados por excepcional interesse público na Paraíba. São 91 mil no total, sendo 28 mil na gestão estadual e mais de 62 mil nas 223 prefeituras paraibanas.

As prefeituras de João Pessoa e Campina Grande, por serem as maiores, lideram o ranking entre os entes municipais.

João Pessoa aparece com mais de 18 mil contratados. Já Campina Grande tem 7 mil.

Um dado curioso também foi constatado pelos auditores. Nos municípios, 309 servidores de 117 cidades recebem salários superiores aos dos prefeitos, que ultrapassam o teto municipal.

Foto: reprodução

Veja também  UFPB publica resolução que cria auxílio para estudantes de pós-graduação

No Estado, esse quantitativo é de 97 contratados, recebendo mais de R$ 23,5 mil – salário do governador do Estado.

Os números impressionam e mostram que a regra constitucional de ingresso no serviço público através de concurso está longe de ser colocada em prática como deveria.

O próprio TCE – e outros órgãos – precisam cobrar de forma mais rigorosa a realização de certames.

Gestores avessos a concursos públicos, por exemplo, precisam ter as contas reprovadas. Do contrário, a realidade dificilmente será modificada e o excesso de vínculos precários, sem férias e 13º salário, continuará sendo uma regra em solo paraibano.