João Paulo Medeiros

Bolsonaro desembarca quinta na Paraíba. Terá aliados históricos no palanque ou só o ‘time raiz’?

Jair Bolsonaro vem à Paraíba para participar da entrega do último trecho do Eixo Norte da Transposição, em São José de Piranhas, no Sertão.

Foto: Arquivo Jornal da Paraíba

A um ano das eleições de 2022, o presidente Jair Bolsonaro desembarca na próxima quinta-feira (21) na Paraíba. Dessa vez ele participará da entrega do último trecho do Eixo Norte da Transposição, em São José de Piranhas, no Sertão. A obra foi iniciada na gestão do ex-presidente Lula (PT) e é, para qualquer Governo, uma vitrine importante para a conquista de votos no Nordeste.

Em outras ocasiões, quando esteve na Paraíba, o presidente foi recebido e teve no palanque aliados históricos, integrantes da base em Brasília e também membros do ‘bolsonarismo raiz’ no Estado.

Agora os movimentos da política local e os ventos da eleição presidencial podem modificar a fotografia do palanque.

O ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD), por exemplo, por enquanto não é presença confirmada no evento. Primeiro porque ainda se recupera de uma cirurgia no ombro. Depois, porque parece evitar vincular a sua imagem ao ‘time raiz’ do bolsonarismo – diante de rumores de aproximação com o grupo do governador João Azevêdo (Cidadania).

Veja também  Empresa contratada por Mario Frias, no Rio, recebeu mais de R$ 2 milhões de prefeituras da Paraíba

Já a família Ribeiro, que em outros momentos também esteve no palanque, é uma incógnita.

É que o deputado Aguinaldo Ribeiro (Progressista) e a senadora Daniella Ribeiro (Progressista) não parecem ter mais ‘trânsito livre’ com o Palácio do Planalto e estão hoje muito mais próximos de apoiar uma candidatura do ex-presidente Lula – acompanhando a base de João Azevêdo.

O grupo Cunha Lima, que em outras solenidades marcou presença, dificilmente comparecerá no evento após o PSDB ter ido, oficialmente, para a oposição.

O mesmo não se pode dizer de deputados como Wellington Roberto (PL), Efraim Filho (União Brasil) e Hugo Motta (Republicanos). Eles fazem parte da base em Brasília e provavelmente estarão na agenda presidencial.

Para além deles, o time do ‘bolsonarismo raiz’ no Estado também estará em São José de Piranhas. Inclui-se no grupo os deputados Wallber Virgolino (Patriota), Cabo Gilberto (Patriota) e o ex-candidato à prefeitura de João Pessoa, Nilvan Ferreira (PTB).

No Sertão, a visita do presidente sinalizará quem continua alinhado com o seu projeto na Paraíba. E a pergunta que se faz é: ele terá aliados históricos no palanque ou só o ‘time raiz’?