Uber passa a mostrar endereço de destino e valor total da corrida para motoristas, antes das viagens

A medida aprovada nesta terça-feira (5) visa diminuir as desistências e os cancelamentos de corridas no aplicativo, segundo o Uber.

Uber vai revelar mais informações para os motoristas na tela de oferta de corridas. (Foto: Lara Brito/Jornal da PB)

O aplicativo de transporte Uber vai passar a mostrar para os motoristas parceiros o endereço de destino e o valor total da corrida antes que eles aceitem a viagem, a partir desta terça-feira (5). A atualização do aplicativo para os condutores já está disponível. Antes dessa mudança, o motorista só via uma estimativa do percurso até o ponto de encontro do usuário.

Além de conferir o destino, a tela de oferta de viagem também passa a mostrar o valor total em reais que o motorista receberia com a corrida, incluindo o adicional de preço dinâmico.

O novo recurso está disponível em todas as capitais do país e a tela de oferta está disponível para motoristas de outras “centenas de municípios que fazem parte das maiores regiões metropolitanas” do país, segundo a empresa. Apesar disso, o Uber não especificou quais são essas cidades.

Veja também  Ministério da Justiça abre processo para investigar atuação de TikTok em proteção de usuários contra conteúdos nocivos

Em setembro do ano passado, a Associação dos Motoristas de Aplicativos de São Paulo (Amasp) acusou o Uber de excluir, em todo o país, mais de 15 mil motoristas por excesso de cancelamentos.

A medida aprovada nesta terça-feira visa justamente diminuir as desistências e os cancelamentos de corridas no aplicativo, segundo o Uber. Esses dois problemas vêm acontecendo devido a alta dos combustíveis.

O recurso de destino detalhado da viagem estava sendo testado nas regiões de Curitiba, Recife, Manaus, São José dos Campos, Porto Alegre, entre outras.

“O objetivo é tornar cada oferta ainda mais clara, fornecendo mais detalhes das viagens que estão sendo solicitadas por meio do aplicativo para que os parceiros possam decidir antecipadamente quais desejam realizar”, explica a gerente de operações para segurança do Uber, Araceli Almeida.