Calendário do PIS Pasep 2024: veja quando sacar

Calendário do PIS Pasep de pagamento do abono salarial em 2024, referente ao ano-base 2022, começa a ser pago em 15 fevereiro para nascidos em janeiro e servidor com inscrição final 0.

Pagamento do PIS/Pasep – Foto: Divulgação

O valor e o calendário do PIS Pasep para pagamento do abono salarial em 2024, referente ao ano-base 2022, já pode ser consultado. A previsão é que cerca de 24 milhões de trabalhadores recebam o abono salarial em 2024, com valor total de R$ 22,6 bilhões.

Na consulta, vai constar os valores do abono salarial 2024, com as respectivas datas e o banco do pagamento. Toda informação poderá ser consultada pelos trabalhadores na Carteira de Trabalho Digital e no portal Gov.br.

O pagamento do abono salarial devido aos trabalhadores de empresas privadas, que integram o Programa de Integração Social (PIS), será efetuado pela Caixa Econômica Federal. Já os trabalhadores do setor público, que integram o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público do Abono Salarial (Pasep), é feito pelo Banco do Brasil.

O calendário do PIS Pasep é dividido em seis lotes, baseados no mês de nascimento, no caso do PIS, e no número final de inscrição, no caso do Pasep. O saque começa no dia 15 de fevereiro e acabará em 27 de dezembro de 2024. Após esse prazo, será necessário aguardar convocação especial do Ministério do Trabalho e Previdência.

Calendário do PIS Pasep 2024

PIS

Nascido em Recebem a partir de Recebem até
Janeiro 15/02/2024 27/12/2024
Fevereiro 15/03/2024 27/12/2024
Março e abril 15/04/2024 27/12/2024
Maio e junho 15/05/2024 27/12/2024
Julho e agosto 17/06/2024 27/12/2024
Setembro e outubro 15/07/2024 27/12/2024
Novembro e dezembro 17/08/0224 27/12/2024

Pasep

Número final de inscrição Recebem a partir de Recebem até
0 15/02/2024 27/12/2024
1 15/03/2024 27/12/2024
2 e 3 15/04/2024 27/12/2024
4 e 5 15/05/2024 27/12/2024
6 e 7 17/06/2024 27/12/2024
8 15/07/2024 27/12/2024
9 17/08/0224 27/12/2024

Valor do PIS Pasep

O abono salarial corresponde ao salário-mínimo atual dividido por 12 e multiplicado pela quantidade de meses trabalhados no ano-base. O salário-mínimo de 2024 é de R$ 1.412,00.

Quantidade de meses trabalhados
no ano-base
Valor do abono salarial
1 R$ 118,00
2 R$ 235,00
3 R$ 353,00
4 R$ 471,00
5 R$ 588,00
6 R$ 706,00
7 R$ 824,00
8 R$ 941,0
9 R$ 1.059,0
10 R$ 1.177,00
11 R$ 1.294,0
12 R$ 1.412,00

Quem tem direito ao PIS Pasep

Tem direito ao benefício o trabalhador inscrito no PIS/Pasep há, pelo menos, 5 anos, e que tenha trabalhado formalmente por, no mínimo, 30 dias no ano-base considerado para a apuração, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos. Conforme o calendário do PIS Pasep, também é necessário que os dados tenham sido informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

Seguindo o calendário do PIS Pasep, o valor do abono é proporcional ao período em que o empregado trabalhou com carteira assinada em 2022. Cada mês trabalhado equivale a um benefício de R$ 108,50, com períodos iguais ou superiores a 15 dias contados como mês cheio. Quem trabalhou 12 meses com carteira assinada receberá o salário mínimo cheio, previsto para R$ 1.413 no próximo ano, segundo o relatório setorial do Orçamento Geral da União de 2024.

Pagamento do PIS Pasep

De acordo com o calendário do PIS Pasep, trabalhadores da iniciativa privada com conta corrente ou poupança na Caixa receberão o crédito automaticamente no banco, de acordo com o mês de seu nascimento, conforme o calendário do PIS Pasep.

Os demais beneficiários receberão os valores por meio da poupança social digital, que pode ser movimentada pelo aplicativo Caixa Tem, seguindo o calendário do PIS Pasep. Caso não seja possível a abertura da conta digital, o saque poderá ser realizado com o Cartão do Cidadão e senha nos terminais de autoatendimento, unidades lotéricas, Caixa Aqui ou agências, também de acordo com o calendário do PIS Pasep escalonado por mês de nascimento.

O calendário do PIS Pasep tem o pagamento realizado via crédito em conta para quem é correntista ou tem poupança no Banco do Brasil. O trabalhador que não é correntista do BB pode efetuar a transferência via TED para conta de sua titularidade nos terminais de autoatendimento e no portal www.bb.com.br/pasep ou no guichê de caixa das agências, mediante apresentação de documento oficial de identidade.

Até 2020, o abono salarial do ano anterior era pago de julho do ano corrente a junho do ano seguinte. No início de 2021, o Codefat atendeu a recomendação da Controladoria-Geral da União (CGU) e passou a depositar o dinheiro somente 2 anos após o trabalho com carteira assinada.

Como consultar e sacar o PIS Pasep

Para saber como consultar e sacar o PIS Pasep, o trabalhador pode ligar para o número 158 ou consultar a carteira de trabalho digital.

Para baixar o aplicativo da Carteira de Trabalho Digital no celular, basta buscar pelo aplicativo na loja de app do seu celular.

O acesso ao sistema deve ser feito com o CPF e senha do gov.br. Em caso de primeiro acesso, deve ser feito um cadastro. Depois é preciso clicar em “Benefícios” e então em “Abono Salarial”. Nesse campo, o trabalhador saberá se é ou não habilitado para o benefício.

O trabalhador do setor privado também pode consultar a situação do benefício e a data de pagamento nos aplicativos Caixa Trabalhador e Caixa Tem.

Trabalhadores vinculados ao Pasep também podem fazer a consulta no link do Banco do Brasil. Há também a opção de ligar para a Central de Atendimento do BB (4004-0001, capitais e regiões metropolitanas, ou 0800 729 0001, interior).

Saque do PIS Pasep

Para fazer o saque do PIS Pasep, existem alguns passos que devem ser seguidos:

  1. Verificar o calendário do PIS Pasep: O Ministério da Economia ou a Caixa Econômica Federal disponibilizam um calendário de pagamento do PIS para trabalhadores da iniciativa privada e o Banco do Brasil para servidores públicos que participam do PASEP. Verifique as datas estabelecidas para o saque do PIS PASEP de acordo com o mês de nascimento ou número de inscrição.
  2. Documentação necessária: Para realizar o saque do PIS PASEP, você precisará dos seguintes documentos: documento de identificação oficial com foto, número de inscrição no PIS PASEP ou número do CPF e a Carteira de Trabalho.
  3. Trabalhadores da iniciativa privada (PIS): Acesse o site ou aplicativo da Caixa Econômica Federal, clique na opção “Consultar Pagamento” e preencha seus dados para verificar se você tem direito ao benefício. Caso esteja apto, você poderá dirigir-se a uma agência bancária, lotérica ou correspondente Caixa Aqui para sacar o valor.
  4. Servidores públicos (PASEP): Acesse o site ou aplicativo do Banco do Brasil, informe seu número de inscrição no PASEP ou número do CPF e veja se você tem direito ao benefício. Caso positivo, você também poderá realizar o saque em uma agência bancária do Banco do Brasil.
  5. Outras opções de saque do PIS PASEP: Além do saque presencial, alguns bancos oferecem a opção do saque automático para correntistas. Verifique com o seu banco se você possui essa opção disponível.