João Paulo Medeiros

Com avanço da ômicron e da H3N2, Justiça da Paraíba adia retorno das atividades presenciais

Prazos processuais voltam a ser considerados no dia 20 deste mês

Foto: Ascom

O agravamento da pandemia, com o avanço da variante ômicron e o aumento de casos da gripe H3N2, fez o Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) adiar o retorno das atividades presenciais. A decisão foi publicada na edição de hoje, do Diário da Justiça.

Veja também  Sobrinha de juíza diz que imagens confirmam tese de suicídio

A volta das atividades presenciais foi postergada para o dia 28 de março.

Foto: reprodução

O retorno presencial tinha sido iniciado, segundo a Assessoria do TJ, no último dia 7 de janeiro. Os prazos processuais, porém, só voltam a correr a partir do dia 20 deste mês.